blog

Quer divulgar a sua marca neste blog?
modas.marketing@hotmail.com

Queres fazer pedidos e dar sugestões?
modasedesmodas@hotmail.com
Quinta-feira, 28 de Julho de 2011
Rubrica: Diz Que Não - À FastFood

Olá, meninas! Nova rubrica! Andei a pensar no que podia escrever para inovar o conteudo do blog e pensei nisto. É uma rubrica dedicada às coisas que devemos ou não fazer. Vai ser publicada com dois nomes: "Diz Que Não" ou "Diz Que Sim". Vamos a ver como é que recebem esta rubrica. Hoje, como já devem ter reparado, vou falar-vos da Fast Food e dos seus maleficios. Vamos a isto..

 

 

 

A fast food, porque a comemos:

Devido às exigências da vida moderna - longas horas no trabalho, compromissos com a família e amigos, e uma variedade estonteante de opções de entretenimento que competem pela nossa atenção - o ritmo de cada dia não é nada se não rápido. Como resultado, temos vindo a viver no que poderia ser descrito como uma cultura de conveniência, com facilidade da acessibilidade e rapidez de entrega estabelecendo-se como preocupações primordiais para cada bem ou serviço que consumimos, seja notícias ou alimentos. Enquanto a qualidade e diversão também são factores, a conveniência tende a ser a base de muitas decisões. No reino dos alimentos, isto significa que as pessoas estão a cozinhar menos, porque não têm tempo. E com a espantosa variedade de opções de pré-cozinhados parece não haver necessidade de cozinhar. Apesar das refeições de micro-ondas e fast food bastante inofensivas e estar aqui apenas para nos ajudar, pesquisas recentes têm mostrado que a fast food em particular, pode ter efeitos profundos e graves no nosso corpo.

 

 

O que contém:

A fast food é rica em gordura: densidade e calorias, tem gordura saturada, frutose e índice glicémico, mas pobre em fibras, vitaminas A e C, cálcio. Mas os inconvenientes não param por aí. Uma refeição de fast food em média contém 1.400 calorias, o que é 85 por cento da nossa ingestão diária recomendada de gordura.

 

Porque não comer:

Pensa nas consequências antes de agir. A fast food pode fazer com que tenhas problemas de saúde como o excesso de peso. Um adulto que consuma fast food tem maior média de IMC do que aqueles que não o consomem. Também pode matar-te se a comeres com muita frequência. Além disso, podes apanhar doenças por comer hambúrgueres de carne ou quaisquer outros produtos que vendam num restaurante de fast food. E mais! Os efeitos negativos de fast food vão muito além do alto teor calórico, produzem efeitos fisiológicos que desencadeiam uma reacção em cadeia para a obesidade e possíveis diabetes.

 


O falso “Sabor Natural”:

A fast food não é saudável para ninguém. As batatas fritas já foram congelados e mergulhadas em óleo vegetal previamente, ainda assim eles usam a expressão: "sabor natural". O dito sabor natural não é natural de todo. Além disso o "Sabor natural” de que falam para todos os componentes da sua ementa (hambúrgueres, etc.) é artificial, uma vez que é criado com base em molhos, corantes e aditivos que tornam este tipo de comida tão viciante.

  

 

Doenças e obesidade:

Volto a repetir: este género de comida pode matar-te se o comeres com muita frequência. Podes morrer de excesso de peso, por doenças arteriais, sangue, coração. Além disso, ainda podes apanhar doenças derivadas do consumo da carne bovina. A fast food é uma das principais razões pela qual há tanta obesidade mórbida no país e tantas doenças relacionadas com o excesso e o consumo de alimentos gordurosos. Algumas doenças que podes apanhar ao comer em restaurantes de fast food são provocadas por bactérias como: Salmonella, Listeria monocytogenes, Staphylococcus aureus e Clostridium perfringens. Outra doença que também é provocada por este tipo de alimentação, mas é, na maioria das vezes, esquecida é a depressão. Devido à acumulação de gordura em várias zonas do corpo, muitas pessoas se começam a sentir desconfortaveis e enojadas por si mesmas. Se a depressão atingir o expoente máxico da doença o mais provavel é que a pessoa acabe por se mutilar e mesmo matar.

 

 

Resumindo:

Evita este género de alimentação. Só te pode trazer problemas e reduzir o teu tempo de vida. Nunca é de mais relembrar o cuidado que devemos ter com este tipo de coisas que por vezes nos passam completamente ao lado por parecerem tão inofensivas.

 

 

 Espero ter conseguido passar a mensagem!

XOXO



publicado por Sara às 09:00
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



blog blog blog


Sara Janssens, prazer.



Se quiserem descobrir mais sobre mim acompanhem o blog [aqui] e o seu canal de youtube [aqui]

segue-me contacto rubricas passatempos
.pesquisar
 
.Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
27

28
29
30
31


.arquivos

. Julho 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011