blog

Quer divulgar a sua marca neste blog?
modas.marketing@hotmail.com

Queres fazer pedidos e dar sugestões?
modasedesmodas@hotmail.com

Terça-feira, 12 de Fevereiro de 2013
Rubrica: Especial - Meninas Com Volume Têm Estilo, Sim!

Hoje fui confrontada com uma discussão entre amigas minhas que estavam a convencer uma amiga de uma delas a vestir-se melhor. Não é que ela se vista mal, é só que só veste calças de ganga e hoodies - sempre. Isto porque é gordinha e acha que por ser assim nunca conseguirá parecer bem vestida. Senti um aperto no coração. Isso é tão mentira! Desde que encontrem as peças adquadas ao seu tipo de corpo, todos podem parecer bem vestidos e estar na moda. O pior é que de certeza que esta rapariga não é a unica a pensar assim. Por essas razões achei que devia mostrar-vos alguns exemplos de como raparigas mais cheinhas podem espalhar glamour e ficarem - até - mais sexies que muitas magrinhas. Não é uma questão de peso - é uma questão de saber conjugar e perceber o que nos fica bem e o que não fica. Aqui têm alguns exemplos, nem todas são consideradas "gordinhas", mas eu sei que muitas meninas, a partir do momento em que têm curvas maiores, se acham "gordinhas", por isso decidi mostrar-lhes como toda a gente pode ficar bem desde que escolha bem a roupa.


 

 

 

 

 

 

 
 
 

 

Convencidas?






publicado por Sara às 09:00
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 4 de Fevereiro de 2013
Rubrica: Especial - Influência dos Pensamentos Positivos ♥

Tenho andado a pensar na vida e uma amiga minha aconselhou-me a ler "O Segredo". Para dizer a verdade nunca fui muito de acreditar em mitos urbanos e coisas assim, mas a verdade é que à medida que fui lendo o livro fui percebendo que muita coisa aí contida faz sentido. Dei por mim a seguir a regra do "Pensa positivo que positivo virá." e tenho que admitir que a vida me está a correr melhor. Por isso decidi falar um bocadinho sobre o pensamento positivo.

 

 

Se nós nos vemos na sequência de um comportamento eficaz, a situação provavelmente produz resultados muito positivos, e nós temos a opção de viver activamente a experiência que temos imaginado. Se, em vez disso, inundarmos os nossos pensamentos com imagens negativas ou ideias de inadequação, e prevermos um resultado negativo, certamente irá falhar. Automaticamente fazemos previsões sobre o resultado de nossas ações. Por isso devemos sempre ter pensamentos positivos tais como: "Eu vou ganhar", "Vou ter sucesso", "Eu vou superar isto", e assim por diante. Desta forma, há grandes hipóteses de que o nosso subconsciente absorva a declaração positiva tal e nos faça agir em conformidade. Por outro lado, muitas pessoas quando deparadas com um obstáculo insistem em repetir para si mesmas: "Eu não posso", e por isso não são capazes de superar os problemas. Pensa positivo. O otimismo é muito poderoso.

 

 

Uma atitude positiva permite que as pessoas bem-sucedidas formem ideias claras e que vivam na segurança que resulta da positividade. No entanto, a característica mais impressionante dessas pessoas bem-sucedidas é justamente a clareza de suas ideias: eles sabem exactamente o que querem e o que não querem, independentemente das decisões serem mais ou menos importantes. São pessoas que sabem o que querem, mas não no sentido errado: não gostam de se gabar da sua segurança. O que eles têm é metas bem definidas e projectos claros para a sua vida. E isso pode ser considerado o primeiro passo para o sucesso. A chave para ser uma pessoa de sucesso é ter metas claras.


Qual é a lição? Sorrir, andar para a frente e dizer "Vou fazer isto!"



publicado por Sara às 09:00
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 30 de Novembro de 2012
Rubrica: Especial - Anti-Bullying /!\

Gentji, não consegui deixar muitos posts agendados esta semana porque tive muito tempo na faculdade e, logo, pouco tempo para actualizar o blog. Vou tentar faze-lo amanhã. Além disso estava a pensar fazer um pequeno post pessoal assim..digno de um diário para saberem como anda a minha vida. Acho que é bom manter uma certa ligação com vocês e acho que é bom saberem como sou e o que ando a fazer neste mundo. Mas digam-me o que acham. Hoje vou só deixar-vos um print screen de um comentário que deixaram no meu último vídeo:

 


 

Palavra de honra que não entendo porque é que as pessoas teimam com o cyberbullying.. É que é ridiculo a tantos níveis que nem consigo explicar..  Não passam de caracteres constituídos por pixéis num ecrã, no entanto, estas letras digitalizadas podem ser o lançamento de um ataque de boatos e insultos. Um texto, uma mensagem no mural de Facebook, um Tweet - uma ou duas linhas é tudo o que é preciso para ferir a autoestima de alguém, para trazer lágrimas, para arruinar uma amizade. Com a explosão da tecnologia moderna, o bullying da velha-guarda passou à história e um novo tipo de bullying está a marcar posição no tabuleiro social de hoje em dia. Mas enquanto que prender alguém dentro de um cacifo é um sinal óbvio de assédio, sem lesões ou narizes sangrentos como prova de abuso, o cyberbullying acaba muitas vezes por não levantar alarmes até que seja tarde demais. Quer por Facebook, quer de mangas arregaçadas, bullying é bullying. Embora possa parecer menos real quando se está escondido atrás de um monitor, os resultados são tão sólidos como os de uma estalada na cara. Não há dúvida de que a Internet faz parte da vida moderna, mas com ela vem um novo conjunto de perigos e responsabilidades. Num mundo onde a privacidade é tão passageira e é tão fácil de inadvertidamente ser o valentão que pratica bullying, ações e palavras devem ser escolhidas com o mesmo cuidado e consideração que merecem no mundo real. Agora, em pessoa podemos afastar-nos do bully e desistir simplesmente dessa pessoa. Pelo menos no melhor dos cenários. Mas como a Internet está em todo o lado, promovendo fóruns e outro tipo de espaços onde os bullies podem agir, é muito mais complicado lidar com este problema. Por vezes este tipo de bullying é ainda mais violento que o tradicional porque lida mais com as emoções. Acho que hoje em dia, todos estão bem conscientes de que o cyberbullying já provocou vários suicídios.


Na minha opinião, o bullying vem de pessoas chateadas, invejosas, revoltadas ou mesmo de pessoas que sentem necessidade de se vingar – por alguma razão. Algumas pessoas até devem faze-lo por mero divertimento. Quando conseguem fazer com que a sua vítima fique mal – sentem-se bem, "Os Maiores". Por norma estas pessoas têm demasiado tempo disponível, e não uma vida real com significado. Em vez de lerem um bom livro ou de fazerem tricot, ou simplesmente amar as pessoas que pertencem à sua vida, usam o seu tempo livre (e por vezes o seu tempo de trabalho) para se dedicarem a esta causa – chatear os outros. Tratam-se de pessoas tristes que ainda têm que trabalhar muito para atingir um determinado desenvolvimento de estado emocional que permita a entrada de bondade, integridade e compaixão na sua vida. Em todos os casos, cyber-bullies são cobardes que se escondem por detrás do anonimato atrás dos seus computadores. Não há desculpa para praticar bullying ou cyberbullying. O que tens a dizer sobre os outros diz muito mais do teu carater que do da pessoa que estás a insultar, denegrir ou tentar fazer com que chore. As palavras podem deixar grandes feridas. Se és vitima de bullying não fiques parado em silêncio. Conta a alguém. Fala. Pede ajuda. É bem mais comum do que o que possas imaginar. 


Recordando coisas mais positivas! Não se esqueçam do sorteio de Natal que está a decorrer aqui


 XOXO



publicado por Sara às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito

Quarta-feira, 18 de Julho de 2012
Rubrica: Diz Que Não! - Ao Café
Cada vez a civilização tem menos tempo. Isto levou-nos a mudar hábitos antigos - dormimos menos, descansamos menos, trabalhamos mais e para compensar - bebemos café para ver se acordamos. Mas não é esta a única razão que nos levou a desenvolver o hábito de beber café. Também bebemos café por uma questão social: "E se fossemos tomar um café e pôr a conversa em dia?" Ou por mera questão de mania como "Depois de almoço bebo sempre um café para terminar a refeição." O facto de muitos restaurantes terem inserido o café no seu menu também não veio ajudar a situação.  
 
 
 
Pessoalmente, tenho o hábito de beber vários cafés ao longo do dia. Mas como tenho problemas cardiacos (arritmia cardiaca - palpitações inesperadas) o meu médico desaconselhou-me totalmente a fazer isso. Acabou por pôr fim à minha ignorância e decidi partilhar com vocês. Eis cinco razões pelas quais não devemos beber café:
 
1. É viciante
A cafeína é uma droga e o corpo habitua-se a ela muito rapidamente. E todos sabem que ficar viciado em coisas não pode ser bom sinal! Normalmente, uma pessoa que ingira à volta de cinco cafés diariamente começa a ficar viciada. Quando, de repente, deixa de beber café o corpo começa a sofrer sintomas de abstinência. São eles: dores de cabeça, pouca paciência e falta de concentração. Por norma não duram muito tempo, mas como raramente a pessoa associa este tipo de sintomas à falta de café, a probabilidade destes sintomas durarem pouco tempo deve-se ao facto de que a pessoa tomou outro café.

2. Perturba o ciclo do sono
Quando o uso de café (ou melhor, da cafeína) é levado ao extremo pode resultar em graves distúrbios do sono. Muitas vezes são classificados como transtornos psiquiátricos.
 
3. Aumenta o colesterol
Isto não é muito usual,
 mas quando o café é feito usando uma cafeteira (daquelas antigas de pôr em cima do fogão), o café contém óleos que aumentam os níveis de colesterol (o que é o mau). Este método de fazer o café é muito popular para os amantes do café porque dá uma sensação de autenticidade. Mas também é muito usado pelas pessoas que não bebem café, pois é uma forma barata de fazer café para poucas pessoas.

 

4. Pode causar dores de cabeça
A cafeína pode tanto tratar dores de cabeça como causa-las. Se costumas consumir bastante cafeína por dia estás propenso a efeitos de abstinência, como já referi, quando há uma redução da quantidade. Um dos efeitos  da abstinência é uma dor de cabeça. O café é, geralmente, a principal fonte de ingestão de cafeína, mas há muitas outras fontes: como chá, chocolate, refrigerantes e um monte de remédios para aliviar a dor. Quando bebemos café, comemos chocolates, bebemos refrigerantes e por aí a fora - estamos a ingerir quantidades enormes de cafeína e isso pode levar a um fenómeno chamado dores de cabeça de ricochete.
 
5. Causa arritmia cardiaca
Se acaba com o sono é porque dá mais energia. Se dá mais energia, acelera os batimentos cardiacos. Se consumirmos poucas quantidades de café, a alteração dos batimentos cardiacos é quase invisivel. No entanto, se têm o hábito de beber cinco ou mais chávenas de café diariamente já devem ter reparado que, de vez em quando, o vosso coração dispara por breves segundos e depois volta ao normal. Essas palpitações são excesso de adernalina causado pela energia "artificial" que a cafeína nos transmite.
 
Conclusão, tudo isto pode ser evitado desde que não se ingiram quantidades industriais de café. O ideal é beber um café por dia porque, tal como o seu consumo em excesso trás maleficios, o seu consumo ocasional trás vantagens. Se gostarem realmente de café como eu - podem beber até três cafés por dia. É uma quantidade razoável, mas não mais do que isso. Espero que tenham gostado do artigo!
 
XOXO


publicado por Sara às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito

Quarta-feira, 11 de Julho de 2012
Rubrica: Diz Que Não - Aos Complexos

Lembrei-me de falar neste assunto porque ontem presenciei uma discussão mãe-filha no super-mercado.

A discussão foi mais-ou-menos isto:

 

Filha: Mãe, olha estes sapatos! São baratos e são mesmo giros!

Mãe: *pega nos sapatos e investiga, como todas as mães fazem*

Filha: Não digas que não têm qualidade! Pelo preço são muito bons!

Mãe: Mas não têm o teu número, só têm até ao 39 e tu calças o 42.

Filha: MÃE! *grande berro a olhar à volta* Não faz mal! Compro o 39!

Mãe: Mas isso não faz sentido nenhum! Vais comprar outra vez sapatos que não te servem!

Filha: Mãe! Eu gosto! Não me chateia e assim parece que tenho um pé pequeno!

Mãe: Isso faz-te mal ao pé!

Filha: Não me tivesses feito com pés grandes!

Mãe: Gostava de saber como é que fazes na praia.

Filha: Enfio os pés na areia! Achas que sou burra?

 

Pronto.. E a conversa continuou mais-ou-menos nestes parâmetros, com a mãe a abanar a cabeça e a fazer face palms. A questão, é que a rapariga se sentia realmente mal por ter os pés SUPOSTAMENTE grandes. Sim, porque ela tinha para aí 1m80, por isso acho que tem um pé de tamanho normal para a altura que tem. Tenho uma prima cujos pais têm respectivamente 1m90 e 1m83. Neste momento ela tem 11 anos e mede o mesmo que eu - 1m60 e calça o 42 e ainda não parou de crescer. Vai se altíssima! Mas como vêem, calçar o 42 e ter 1m80 não me parece estranho.

 

 

Acho terrível que as pessoas não consigam respeitar o seu próprio corpo. Se não se respeitarem a elas próprias, como é que esperam que os outros as respeitem? Está cientificamente provado que uma pessoas confiante tem muito menos probabilidades de vir a ser desrespeitada do que alguém que não se sabe impôr e que olha para os outros de baixo para cima. Olhem-se de frente!

 

Existém muitas coisas que fazem com que as pessoas tenham complexos: Pormenores físicos (pés grandes, ser demasiado magro, demasiado gordo, ter umas ancas salientes, ter maminhas grandes, ter maminhas pequenas, ter uma testa grande, ter um nariz grande, ter borbulhas); o uso de óculos; o uso de aparelho; Pormenores físicos alheios (afastam-se de pessoas devido a um estereotipo como - pessoas tatuadas, com piercings, "EMOs", góticos ou vice-versa).

 

Pessoas, aceitem-se! Eu não gosto do meu sinal do queixo, mas nunca me passaria pela cabeça retira-lo. Tenho de usar óculos quando estou no computador ou a ler e não gosto que me vejam com eles, no entanto, se tiver que estudar na faculdade agarro na caixinha e enfio os óculos. Também não gosto do meu aparelho, mas até gravo vídeos! E acho que as minhas coxas são demasiado rechonchudas, mas até é sexy. E tenho um problema de ruptura em ambos os meniscos nos joelhos devido a uma queda que dei a fazer snowboard. Isto faz com que estejam sempre inchados, mas tenho medo de ser operada por isso vou continuar com eles assim - e MESMO assim - tiro fotos de calções!

 

E aceitem os outros! Pessoas tatuadas são rudes, sem educação, rebeldes, marginais? A última vez que confirmei não era nada disso. As pessoas fazem tatuagens pelas mais diversas razões! Vocês pintam quadros, escrevem poemas, cozinham, fazem desporto, cantam, elas exprimem-se dessa maneira! Ninguém deve ser rotulado por um único aspecto. Eu sou muito mais que a minha tatuagem. Eu tenho sentimentos, ideias, principios, um estilo, uma forma de lidar com as pessoas - uma personalidade! E por aí que me devem caracterizar. Mesma coisa para pessoas com piercings, EMOs, góticos, gays, etc.

 

Querem melhor forma de combater os vossos medos que enfrentando-os? Aquela rapariga que usa o 39 em vez do 42 vai, muito provavelmente, ter problemas de ossos e articulações no futuro. Além disso - se um dia um dos amigos dela reparar - acham que não vai gozar ou, no mínimo, achar estranho? Porquê? Porque ela proporcionou esse momento. Se ela não desse tanta importância a isso, os outros também não davam. Eu não estava nem aí para o número que ela calçava ou deixava de calçar até que começou a gritar com a mãe. Uma amiga minha, até há pouco tempo atrás, também nunca vinha connosco à praia, porque tinha medo que vissemos a celulite das pernas dela. Foi preciso obriga-la a ir para que ela percebesse que se não falásse no assunto, ninguém queria saber - porque somos amigos dela. E é verdade que há pessoas - sem ser amigos - que gozam, porque acham que são perfeitos, mas só há uma coisa a fazer - não deixar que nos afecte.

 

Por isso, prometam-me que vão sempre gostar muito do vosso corpo e não se vão começar a prejudicar sem razão!

 

XOXO



publicado por Sara às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (20) | favorito

blog blog blog


Sara Janssens, prazer.



Se quiserem descobrir mais sobre mim acompanhem o blog [aqui] e o seu canal de youtube [aqui]

segue-me contacto rubricas passatempos


Schwarzkopf


Pó de Arroz


Faz de Conta Bijus

Nanda Crafts

BHcosmetics

Lumiere Cosmetics

UC Berlin

Liz Earle

Motives Cosmetics

Butterfly Store


Colour Makeup

-10% com o código "modas"


OASAP - The
Latest Street Fashion

Latex Catsuit





Once A Week Chic: Shop this week's look now



AL Cosmetics



WOOK - www.wook.pt

Doce Noite



Tem um blog/loja e quer ter uma parceria connosco?
Eis o logótipo que deve ter na sua página:



.pesquisar
 
.Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
27

28
29
30
31


.arquivos

. Julho 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011